2 de mar de 2016

Arquivos Árticos #17 | Operação Apagão


Olá, pinguins! Em fevereiro deste mesmo ano os agentes da EPF conseguiram mais uma vez recuperar de volta o que Herbert havia pego para realizar seus planos malignos, com isto, a EPF precisou de todos os melhores agentes, todos treinados, todos sábios com estratégias básicas, agentes ágeis que sabem se defender do desconhecido... todos nós passamos por isto uma vez, em 2012 uma operação intitulada Operação Apagão deixou todos os agentes atentos ao que poderia vir à frente. No Club Penguin uma agência secreta de pinguins cuidam da segurança da ilha, e de um vilão que nesta operação passou a atacar os pinguins e a colocar o seu maior plano de vingança até então em prática, sequestrando os líderes da agência secreta e usando uma máquina, conhecida como Laser Solar, para cobrir o sol e deixar a ilha numa escuridão parcial.

Operação Apagão foi uma operação do Club Penguin que começou no dia 15 de novembro e terminou no dia 4 de dezembro. O evento era conhecido e especulado desde junho de 2010, quando imagens e outros arquivos sobre a operação e o suposto Desafio Ninja Sombra vazaram e foram encontrados em diversos blogs e fansites sobre o jogo. O evento estava relacionado ao principal vilão do jogo, Herbert, e à Elite Penguin Force, uma agência secreta de pinguins que cuidam da segurança da ilha. Nesta operação, o vilão passou a atacar os pinguins e a colocar o seu maior plano de vingança até então em prática, sequestrando os líderes da agência secreta e usando uma máquina, conhecida como Laser Solar, para cobrir o sol e deixar a ilha numa escuridão parcial.
A operação estava supostamente prevista para junho de 2011, quando uma imagem de um suposto quadro com planos de eventos do Club Penguin vazou na Internet. Porém, aparentemente foi adiada por algum motivo desconhecido. Na Operação Hibernação, em Agosto de 2011, foi feita uma festa - A Grande Corrida, para "esconder" a operação dos pinguins que não pertencem a EPF, porém na Operação Apagão foi feita uma própria festa com o nome da própria operação. Durante o evento os pinguins puderam encontrar o vilão Herbert pela ilha e adicioná-lo a sua lista de amigos, optando ou não por receber o seu plano de fundo. No Club Penguin News, o principal jornal da ilha, todos os artigos e seções foram escritos pelo próprio Herbert, que optou por responder as perguntas de pinguins curiosos e falar um pouco mais sobre a sua vida "ilustre". Um dispositivo acionado pela EPF e disposto na tela superior direita do jogador, dava informações importantes aos agentes de elite, que podiam receber itens de disfarce e equipamentos para se infiltrar na base de operações do Herbert, com o objetivo de acabar com seus planos. Nessa festa, também foi revelada a verdadeira identidade da Diretoria, que como muitos pinguins desconfiavam, era a Tia Arctic. No final do evento quando os agentes conseguiram derrotar HerbertRookie um dos capturados pelo vilão, começou a aparecer pela ilha sem nenhum aviso prévio de suas aparições. Como algumas outras festas e eventos, a Operação Apagão durou um dia a mais.


As primeiras informações sobre a operação surgiram em junho de 2010, junto com outras informações sobre os possíveis futuros jogos Desafio Ninja Neve e Desafio Ninja Sombra. O assunto permaneceu sem ser falado por um bom tempo, até se tornar novamente popular em vários blogs sobre o jogo quando, em dezembro de 2010, uma imagem com os possíveis futuros eventos para o Club Penguin estavam escritos em um quadro branco, e, entre eles, o tão esperado apagão.
Teorias sobre o apagão voltam à tona em agosto de 2011, quando um vídeo da equipe do jogo é publicado no YouTube, onde um membro da equipe é visto escrevendo um diálogo para a operação, e outro é visto desenhando imagens de HerbertKlutzy e outro caranguejo desconhecido. Em novembro de 2011, quando aconteceu a Festa Desafio Ninja e nuvens de tamanho fora do normal começaram a aparecer em determinadas salas, o assunto se tornou popular mais uma vez, mas nada relacionado à operação ou aos ninjas aconteceu, desapontando vários pinguins.
O assunto do apagão permaneceu intocado até o começo de outubro de 2012, quando membros da equipe do jogo começaram a dar pistas e enviar prévias pelas suas contas no Twitter, que finalmente confirmaram que o apagão viria no mês seguinte. Entre eles, Lane Merrifield e Polo Field. Em 9 de outubro do mesmo mês, é criada uma nova conta no Twitter pela equipe do jogo. Esta, dedicada inteiramente a postar sobre a operação, sob a identidade do vilão Herbert.
Em 19 de outubro, é lançado um website chamado "Club Herbert"., cujo suposto dono é Herbert. Este consiste em apenas uma imagem de um monitor vermelho de computador (semelhante ao do Defensor do Sistema) com uma imagem da Estranha Parafernália Falante e uma lista dos agentes que ele pretende capturar (em ordem: GaryDotRookieCara do Foguete e A Diretoria). Em 25 de outubro, uma nova tela de entrada foi adicionada ao jogo, onde Herbert anuncia aos jogadores que "é o fim". Em 1º de novembro, após o término da Festa de Halloween 2012, foi lançada uma nova tela de entrada sobre a Operação Apagão, dizendo que a festa começaria em 15 de novembro e terminaria em 4 de dezembro de 2012. Depois que a Operação acabou, todos os tweets do Twitter de Herbert foram deletados, e mais um foi adicionado:Já não preciso do Twitter para ocupar meu tempo. Eu encontrei algo muito mais interessante no @clubpenguin.... MUHAHAHAHAHAHAAAAAAAAAA!!!! além do nome ser mudado para "...".

















Tudo começou quando 
Gary acidentalmente deu a Herbert, na edição 365 do Club Penguin News, as instruções para se construir um Laser Solar que podia bloquear a luz do sol. Em 8 de novembro de 2012, Gary desapareceu e todos começaram a procurá-lo, supondo também que ele tivesse sido sequestrado. Uma semana depois, em 15 de novembro, a sala de comando da EPF foi destruída. Na edição 369 do Club Penguin, tudo foi explicado pelo próprio Herbert, que assumiu ter causado toda a destruição e também ter sequestrado o Gary. Ele tomou conta do jornal e disse que o Club Penguin agora era Club Herbert.
Durante o evento, a Ilha foi tomada por uma escuridão progressiva devido ao Laser Solar, que concentrava toda a luz do sol no esconderijo de Herbert, o Sonho Tropical. Todos os outros lugares começaram a congelar ainda mais e montes de neve começaram a ser acumulados sobre árvores e construções da Ilha. Como a Sala de Comando da EPF havia sido destruída anteriormente, a EPF construiu um QG Emergencial para servir como uma base temporária aos agentes secretos, que agora faziam parte de uma resistência contra o domínio de Herbert sobre a Ilha.                                              A Diretoria era agora a única voz da EPF e comandava os agentes na busca de ganhar o controle da Ilha, já que Gary havia sido congelado. Esta foi também a primeira vez que se pôde ouvir a voz da Diretoria. A cada dia a Ilha se tornava mais escura, mais fria, mais coberta de neve e agentes secretos importantes estavam sendo sequestrados. O primeiro foi Gary (8 de novembro), depois Dot (18 de novembro), então Rookie (20 de novembro), depois o Cara do Foguete (22 de novembro) e finalmente, A Diretoria (24 de novembro). Antes de ser capturada, A Diretoria deu aos pinguins ordens finais para derrotar o Herbert. Elas consistiam em hackear o sistema principal do Laser Solar. Quando o jogador o fazia com sucesso um vídeo aparecia mostrando quem estava no comando e que a Ilha havia sido salva. Os agentes secretos começaram a destruir o Laser Solar em 24 de novembro, mas apenas em 29 de novembro a luz solar começou a aparecer no jogo, até que o evento terminasse em 6 de dezembro quando o Club Penguin News finalmente anunciou que a Ilha estava a salvo.
                                                                  
Havia dezesseis itens disponíveis durante à festa. Todos relacionados exclusivamente a Operação Apagão.

A festa contou com a participação dos mascotes Rookie e Herbert como presença na festa.

Vídeos como tutoriais, comerciais e o exclusivo Game On do Club Penguin foram adicionados ao canal oficial do jogo no Youtube. Veja-os abaixo.









  • Apesar do "Club Herbert News" dizer que os pins foram cancelados, o Pin Alteres estava disponível na Caldeira.
  • Das regras criadas por Herbert, todas puderam ser desrespeitadas normalmente durante a operação. Ações como atirar bolas de neve e passear com puffles continuaram podendo ser feitas normalmente, e lugares como o Dance Club e a Pizzaria não foram fechados, apesar das regras incluírem a proibição de dança, música alta e comer carne.
  • A seção "O Jornal É Todo Seu" do jornal foi mudada para "Suma daqui, é tudo meu", e dizia "Nada de Piadas" e "Sem Perguntas". Porém, ao clicar nos botões, piadas e perguntas podiam ser enviadas normalmente. Além disso, a janela que se abria dizia que a charada ou pergunta estava sendo enviada para a Tia Arctic, e não para Herbert.
  • A piada enviada por Klutzy foi a única que permaneceu inalterada no "Club Herbert News".
  • Herbert conduzia, na seção "Confidencial" do jornal, sua segunda tentativa de revelar a identidade dos agentes da EPF. A primeira foi durante a Missão 11 da ASP, O Vilão Vegetariano.
  • Durante a operação, Herbert lançou um vídeo chamado "Herbert Style!", baseado na música "Gangnam Style" de "PSY", para comemorar sua vitória.
  • O Pin Cartão de Acesso 1 era substituído pelo Pin Cartão de Acesso 2 quando o jogador completava a Segunda Tarefa das Informações Confidenciais da EPF. Isso se repetiu com os outros "Pins Cartão de Acesso" que foram lançados.
  • Apesar da TP ser uma agente secreta, ela não foi capturada por Herbert.
  • A Operação Apagão foi um dos eventos em que mais houve estragos e traumas na ilha, sendo que Rory e os pinguins engenheiros tiveram até que reconstruir a ilha pelos estragos das avalanches causadas pelo excesso de neve.
  • Houve uma falha no QG do Herbert, onde antes mesmo do capítulo final das Tarefas da EPF ser revelado, já aparecia que A Diretoria havia sido capturada nos tubos de congelamento, ainda que ela estivesse dando ordens aos agentes de elite.
  • Houve uma falha em que quando o pinguim destruía o Laser Solar, não ganhava a Mesa para Reuniões Secretas. Essa falha foi logo corrigida.
  • Durante a festa, a placa de "Passeios" da Estação de Esqui ficou com o nome de "Tours" (passeios em inglês).
  • Na edição nº 32 da Revista do Club Penguin brasileira, esta operação foi mencionada como 'Operação: Blecaute'.

Depois da Operação Apagão não tivemos uma segunda edição da sequencia da festa nos anos seguintes, apenas algumas referências na Operação Puffle em novembro de 2014.

Wow, a nova operação que ocorreu em fevereiro deste ano 2016 foi totalmente demais, nós conseguimos mais uma vez recuperar o que Herbert havia pego, a ilha está em segurança novamente. O que vocês acharam desta operação? Quem esteve presente e ajudou à salvar a ilha em 2012? Deixem comentários abaixo, até mais!